Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
9

DEPUTADOS PEDEM EXPLICAÇÕES A PORTAS

A Comissão Parlamentar de Defesa, presidida pelo deputado social-democrata Correia de Jesus, decidiu chamar o ministro de Estado e da Defesa, Paulo Portas, para prestar declarações sobre a crise do Iraque.
13 de Fevereiro de 2003 às 00:00
A decisão foi tomada anteontem no final da reunião da citada comissão parlamentar convocada para receber uma delegação do Sindicato dos Trabalhadores da Aviação e Aeroportos (SITAVA), a propósito da cessação do contrato de manutenção de aviões existente entre as Oficinas Gerais de Material Aeronáutico (OGMA) e o Estado angolano.

Correia de Jesus confirmou ontem ao Correio da Manhã que, com efeito, estava a redigir a carta com o pedido de audição de Paulo Portas sobre a crise do Iraque e que esta seguiria de imediato para o Gabinete do Ministro dos Assuntos Parlamentares, Marques Mendes.

Correia de Jesus revelou também que os deputados ponderam solicitar à Administração das OGMA a sua presença na comissão para prestar explicações sobre o contrato com Angola, e, nomeadamente, sobre a possibilidade das OGMA serem ressarcidas da dívida de 12,5 milhões de euros.

Segundo o deputado, foi também sugerido um contacto entre os presidentes das Comissões Parlamentares de Defesa de Portugal e de Angola sobre a mesma questão. Sugestão que, aliás, mereceu a concordância de todos os deputados da Comissão.

Sobre o mesmo assunto, uma fonte do gabinete do ministro da Defesa recordou que o pagamento dos salários dos trabalhadores das OGMA “está resolvido há algum tempo”, mantendo-se ainda o problema da dívida angolana à empresa.

Segundo a mesma fonte, os cinco técnicos das OGMA que estavam em Angola a fazer a manutenção das aeronaves só voltarão ao país quando as autoridades angolanas apresentarem um plano de pagamento, faseado ou não, da dívida”. “Só nessa condição é que o contrato entre as OGMA e o estado angolano será retomado”, afirmou.

O problema das Oficinas Gerais poderá ficar resolvido durante a visita do primeiro-ministro, Durão Barroso, a Angola no final do mês de Março. Para preparar a visita de Barroso encontra-se em Angola o secretário de Estado dos Negócios do Estado e Cooperação, António Lourenço dos Santos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)