Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
6

DIRIGENTE DO PS-MADEIRA NEGA FRAUDES

O líder parlamentar do PS-Madeira, Duarte Caldeira, convocou os jornalistas para lhes negar, em conferência de imprensa, as fraudes fiscais de que é suspeito no âmbito do negócio da construção do novo campo de futebol da Associação Cultural e Desportiva de São Vicente.
25 de Junho de 2003 às 09:56
Duarte Caldeira
Duarte Caldeira
De acordo com as revelações feitas pelo semanário “Expresso”, no passado sábado, a referida associação desportiva terá pago a empreitada à empresa Plantial, da qual Duarte Caldeira é sócio-gerente, que não só não facturou a totalidade do valor recebido como encomendou a obra a outra empresa que diz representar, muito embora não haja documentos que o comprovem (ver artigo relacionado). Em causa estão cerca de 171 mil euros (35 mil contos) não declarados e sobre os quais a Direcção de Finanças da Região Autónoma da Madeira sugere que seja aplicada uma taxa de 60 por cento.
Numa curta declaração lida aos jornalistas, Duarte Caldeira garantiu que não é devedor à fazenda pública e que não é responsável pelo não pagamento de impostos pela associação desportiva de São Vicente. O líder parlamentar do PS-Madeira, que não aceitou responder a perguntas, afirmou estar disponível para esclarecer a situação, na qualidade de sócio-gerente da Plantial, “junto de qualquer entidade”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)