Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
4

Elisa Ferreira vende ações do grupo Sonae SGPS e segura lugar

Audição a 2 de outubro decisiva para garantir nomeação da comissária lusa.
Salomé Pinto 20 de Setembro de 2019 às 08:58
Elisa Ferreira
Elisa Ferreira
Elisa Ferreira
Elisa Ferreira
Elisa Ferreira
Elisa Ferreira
Elisa Ferreira
Elisa Ferreira
Elisa Ferreira
Elisa Ferreira vendeu esta quinta-feira as ações que detinha no grupo Sonae SGPS, por 13,8 mil euros, para eliminar eventuais incompatibilidades e garantir a sua nomeação para comissária europeia da Coesão e Reformas, indicou o gabinete de comunicação da ex-vice-governadora do Banco de Portugal.

A decisão da comissária surge depois de ter sido questionada pela comissão dos Assuntos Jurídicos do Parlamento Europeu sobre o facto da participação de Elisa no grupo, dono da cadeia Continente, constituir um eventual conflito de interesses.

Os eurodeputados ainda não deram luz verde à nomeação de Elisa, o que só acontecerá depois da audição política de 2 de outubro, em Bruxelas.

A comissão parlamentar não encontrou, contudo, um conflito de interesses entre a pasta que a comissária irá tutelar, a dos fundos comunitários, e o cargo ocupado pelo marido, depois de várias críticas levantadas por eurodeputados, segundo nota oficiosa do Parlamento Europeu.

A futura comissária é casada com Fernando Freire de Sousa, presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N), entidade que recebe boa parte dos fundos que vão ser geridos por Elisa Ferreira.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)