Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
1

“Está tudo a desabarem cima do consumidor”

Jorge Morgado, Secretário-geral da DECO sobre a possibilidade de o preço da electricidade subir 30% em Janeiro.
17 de Setembro de 2011 às 00:30
“Está tudo a desabarem cima do consumidor”
“Está tudo a desabarem cima do consumidor”

Correio da Manhã – Como encara a possibilidade de o preço da luz subir 30% em Janeiro?

Jorge Morgado – Ainda não conhecemos o estudo da ERSE, pelo que é apenas um cenário. Mas o Governo pode minimizar o impacto dessa subida se cortar nos custos de interesse gerais, que representam 42% de uma factura de electricidade. O que a DECO defende é uma redução de 35% nesta rubrica de 1200 milhões de euros anuais que não vão para o Estado. Seguem para empresas e autarquias.

– Mas isso implicaria uma redução das receitas dos operadores privados. Aceitariam?

– Numa altura de crise económica, em que está tudo a desabar em cima do consumidor, há que ter outros princípios além do lucro. É verdade que precisamos de equilibrar as contas públicas mas falta preocupação solidária ao Governo. Ninguém quer voltar ao tempo da ditadura, em que tínhamos finanças saudáveis, mas um povo pedinte e faminto. Os aumentos anunciados são incomportáveis para as famílias.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)