Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
1

Eurodeputado Pedro Silva Pereira condecorado pelo imperador do Japão

Socialista português recebeu "uma das mais altas e prestigiadas ordens honoríficas japonesas".
Lusa 9 de Novembro de 2019 às 13:58
Pedro Silva Pereira
Pedro Silva Pereira, vice-presidente Parlamento Europeu
 Pedro Silva Pereira, vice-presidente Parlamento Europeu
Pedro Silva Pereira
Pedro Silva Pereira, vice-presidente Parlamento Europeu
 Pedro Silva Pereira, vice-presidente Parlamento Europeu
Pedro Silva Pereira
Pedro Silva Pereira, vice-presidente Parlamento Europeu
 Pedro Silva Pereira, vice-presidente Parlamento Europeu
O eurodeputado socialista português Pedro Silva Pereira foi condecorado pelo imperador do Japão "pelo seu papel como relator do Parlamento Europeu para o acordo comercial entre a União Europeia e o Japão", anunciou este sábado o gabinete do parlamentar.

De acordo com a nota de imprensa do gabinete do eurodeputado, que também é vice-presidente do Parlamento Europeu, o imperador Naruhito atribuiu esta semana a Pedro Silva Pereira a Ordem do Sol Nascente (Raios de Ouro e Faixa), "uma das mais altas e prestigiadas ordens honoríficas japonesas".

A Ordem do Sol Nascente, uma das mais antigas ordens honoríficas do Japão, foi instituída pelo Imperador Meiji, em 1875, indica ainda a nota.

Na nota recorda-se que coube a Pedro Silva Pereira "presidir, no âmbito da Comissão de Comércio Internacional [do Parlamento Europeu], ao Grupo de Monitorização das negociações com o Japão".

Pedro Silva Pereira elaborou ainda "a proposta de decisão final" sobre o acordo de Parceria Económica União Europeia-Japão, que entrou em vigor em fevereiro, e foi aprovado no plenário do Parlamento Europeu.

"A notícia da atribuição desta distinção foi conhecida quando Pedro Silva Pereira se encontrava em Tóquio, no início da semana, para representar o Parlamento Europeu na Cimeira Interparlamentar do G20", de acordo com o documento.

O imperador Naruhito começou o seu reinado no dia 01 de maio deste ano, e foi entronizado no passado dia 22 de outubro, numa cerimónia, em Tóquio, que contou com a presença do antigo Presidente da República Aníbal Cavaco Silva, em representação de Portugal.

O novo soberano, de 59 anos, tornou-se no 126.º imperador do Japão em 01 de maio, dia seguinte ao pai Akihito, de 85 anos, ter abdicado, uma decisão inédita nesta dinastia de mais de dois séculos.

Lusa/Fim

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)