Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
1

Europa tem de “encontrar nova posição”

O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, defendeu esta quinta-feira que a Europa tem de "encontrar uma nova posição nas relações internacionais", admitindo contudo que tem dado "passos importantes para conseguir recentrar-se" perante o contexto atual.

14 de Outubro de 2010 às 14:24
O líder do PSD, Passos Coelho, discursou nas jornadas do PPE
O líder do PSD, Passos Coelho, discursou nas jornadas do PPE FOTO: d.r.

"Sabemos que o mundo está a mudar fortemente, que o Oriente que encontrámos há mais de 500 anos hoje está a renascer do ponto de vista comercial e económico com grande intensidade", disse Passos Coelho, admitindo que a situação causa "estragos sensíveis" com "impactos importantes" nas economias ocidentais. 

Ao discursar nas Jornadas de Estudo do Grupo do Partido Popular Europeu  (PPE), que decorrem até sexta-feira no Funchal, o líder social-democrata reconheceu  que a Europa manteve "um certo predomínio comercial" durante muitos anos, mas tem agora de "olhar para si própria e encontrar uma nova posição nas relações internacionais e no planeta".  

Afirmando-se "convencido de que a Europa tem dado passos importantes  para conseguir recentrar-se neste novo contexto", o líder do maior partido  da oposição em Portugal considerou haver "reformas de estrutura económica  importante que têm de ocorrer com forte impacto social, de modo a que a  Europa esteja habilitada a competir neste novo mundo que está a emergir".  Para Passos Coelho, os tempos actuais, na "digestão de uma das maiores  crises financeiras de que há memória no planeta", colocam "uma pressão ainda  maior às alterações estruturais" necessárias na sociedade europeia.  

"Não queremos ficar tão ágeis com os respectivos custos sociais como os americanos se têm mantido, mas também recusamos o imobilismo, pensando que podemos permanecer na defesa de um chamado estado social europeu que tem de ser reformado para poder fazer jus às suas tradições", referiu, sustentando que são as forças políticas na generalidade representadas no PPE que "estão  mais abertas à mudança".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)