Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
8

Filipe Pereira culpa Bagão

O ex-ministro da Saúde Luís Filipe Pereira insinuou esta terça-feira, na Assembleia da República, que a culpa pelo défice no Serviço Nacional de Saúde é do Ministério das Finanças então dirigido por Bagão Félix.
24 de Maio de 2005 às 20:32
Em declarações supreendentes, Luís Filipe Pereira negou qualquer responsabilidade sobre o défice no SNS. "Não há qualquer derrapagem nos custos", declarou o ex-ministro.
Filipe Pereira garantiu mesmo que os custos com o SNS em 2002/2003 "foram os mais baixos de sempre" e declarou que "o problema está do lado da receita". Nunca referiu directamente o nome de Bagão Félix, mas deu a entender que o problema esteve na sobreorçamentação de receitas pelo SNS no Orçamento de Estado para 2005 elaborado por Bagão Félix.
A comissão de avaliação dirigida pelo governador do Banco de Portugal, Vítor Constâncio, detectou um défice não assinalado no SNS no valor de cerca de 1,5 mil milhões de euros. "O défice da Saúde até podia ser 5 mil milhões. Basta que o Ministério das Finanças mande esse números. E o que é que o ministro da Saúde tem a ver com isso?" questionou o ex-ministro da Saúde, esta tarde, na Assembleia da República.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)