Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
5

GAMA PARA A EUROPA

O ex-ministro dos Negócios Estrangeiros Jaime Gama poderá ser o cabeça de lista do PS nas próximas eleições para o Parlamento Europeu. O deputado socialista ainda não deu qualquer sinal sobre se aceitará o desafio ou não, mas o Correio da Manhã sabe que a hipótese já lhe foi colocada pela direcção do partido.
8 de Outubro de 2003 às 00:00
Gama poderá também marcar terreno para uma candidatura Belém
Gama poderá também marcar terreno para uma candidatura Belém FOTO: Pedro Catarino
A menos de um ano das eleições europeias, já foram vários os nomes apontados como potenciais candidatos, desde António Costa a Ana Gomes, passando por João Cravinho e até João Soares. Fonte do grupo parlamentar do PS revelou agora que Jaime Gama já foi sondado, mas o ex--ministro ainda não deu qualquer resposta.
De acordo com a mesma fonte, esta candidatura de Jaime Gama acabaria por cumprir dois objectivos. Primeiro, é um nome de "peso" para liderar umas eleições que o PS terá forçosamente que ganhar. Em segundo lugar, voltaria a estar em lugar de destaque junto da opinião pública, marcando terreno para uma eventual candidatura às eleições presidenciais, caso António Guterres resolva não avançar.
É preciso não esquecer que a direita tem já vários potenciais candidatos a Belém, estando a dificuldade precisamente na escolha. Pelo contrário, no PS o único nome apontado é de António Guterres, seria importante construir uma alternativa para o caso do ex-primeiro-ministro decidir não se candidatar.
De acordo com outra fonte socialista, claramente menos optimista, a candidatura de Jaime Gama ao Parlamento Europeu iria servir objectivos muito menos nobres. Segundo confessou ao CM um deputado, a actual direcção do PS mais não quer do que afastar uma "voz incómoda". Ocupado entre Bruxelas e Estrasburgo, Jaime Gama não teria tempo para comentar a política caseira. É preciso não esquecer que o ex-ministro dos Negócios Estrangeiros tem sido bastante crítico relativamente à liderança de Ferro Rodrigues.
Resta então esperar pela decisão de Jaime Gama. Fonte próxima do deputado garantiu que ele ainda não deu qualquer sinal à direcção do partido, como, aliás, é o seu timbre nestas situações. "Nestes assuntos ele nem à própria sombra diz o que pensa".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)