Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

GNR evita que Sócrates ouça protestos em Murça

A comissão de utentes contra as portagens na A24, A23 e A25 tentou que José Sócrates ouvisse o protesto ontem em Murça mas, antes do primeiro-ministro chegar para a inauguração do centro escolar, a GNR apreendeu o equipamento sonoro que acompanhava a acção de recolha de assinaturas contra as portagens nas Scut.

18 de Fevereiro de 2011 às 21:45
Vitivinicultores foram impedidos de chegar perto de José Sócrates
Vitivinicultores foram impedidos de chegar perto de José Sócrates FOTO: José Coelho/Lusa

Os ânimos exaltaram-se à chegada da comitiva do Governo e aos contestatários das portagens juntaram-se os vitivinicultores do Douro, que também não conseguiram entregar a Sócrates um pedido de ajuda contra a redução do preço do vinho na região. A GNR confirma a identificação de duas pessoas por "excesso de ruído junto a escola". A comissão de utentes da A24 reagiu com uma queixa contra a GNR. "Não é ilegal e não viola lei nenhuma", diz António Serafim.

GNR SÓCRATES PROTESTOS MURÇA PORTAGENS SCUT VITIVINICULTORES
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)