Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

Governo aprova cláusula de salvaguarda no apoio aos trabalhadores independentes

Ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, disse que Governo aprovou diploma com "duas grande alterações".
Lusa 8 de Abril de 2021 às 17:05
Ana Mendes Godinho
Ana Mendes Godinho
O Conselho de Ministros aprovou esta quinta-feira uma "cláusula de salvaguarda" para garantir que "ninguém fica a receber um valor inferior" do apoio à redução de atividade devido às alterações aprovadas no parlamento, disse quinta-feira a ministra do Trabalho.

Na conferência de imprensa após a reunião do Conselho de Ministros, a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, disse que o Governo aprovou um diploma com "duas grande alterações", sendo uma delas "uma cláusula de salvaguarda no valor do apoio extraordinário à redução da atividade do trabalhador".

A medida surge "na sequência do que foi aprovado no âmbito da apreciação parlamentar, para garantir que ninguém fica a receber um valor inferior, caso tenha uma remuneração diferente em 2019 ou 2020", afirmou Ana Mendes Godinho.

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Ver comentários