Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
8

Governo cria Grupo de Acompanhamento de Hospitais no SNS

Objetivo é apoiar e acompanhar o desempenho das instituições.
23 de Junho de 2016 às 08:57
O Governo decidiu criar um Grupo de Acompanhamento dos Hospitais (GAH) que integram o Serviço Nacional de Saúde (SNS)
O Governo decidiu criar um Grupo de Acompanhamento dos Hospitais (GAH) que integram o Serviço Nacional de Saúde (SNS) FOTO: Getty Images
O Governo decidiu criar um Grupo de Acompanhamento dos Hospitais (GAH) que integram o Serviço Nacional de Saúde (SNS) para apoiar e acompanhar o desempenho das instituições, segundo um despacho publicado quarta-feira em Diário da República.

De acordo com o despacho, o GAH integra o Serviço Nacional de Saúde (SNS), em articulação com a Administração Central do Sistema de Saúde, as Administrações Regionais de Saúde e as Coordenações da Reforma dos Cuidados de Saúde Primários, Hospitalares e Continuados.

O objetivo é, segundo o despacho, apoiar "o alinhamento do desempenho das unidades hospitalares face às metas definidas e aos recursos disponibilizados pelas entidades tutelares".

No documento é referido que o GAH deve "apoiar a função das entidades tutelares, designadamente o processo integrado de planeamento de atividades, o controlo de gestão e a avaliação do desempenho assistencial e económico-financeiro de cada unidade".

De acordo com o despacho, o grupo deve também acompanhar a atividade do SNS, propor políticas gerais de melhoria mediante o desenvolvimento de programas de melhoria operacional e promoção das transferências das melhores práticas.

"Promover o desenvolvimento de projetos especiais transversais a todos os hospitais do SNS, estimular a melhoria da articulação das unidades entre si e destas com outros níveis de prestação de cuidados com outros setores sociais, propor a mobilidade de recursos humanos e maximizar a utilização de equipamentos", são outros dos objetivos a levar a cabo pelo GAH.

O grupo deve também propor "medidas de eliminação de redundâncias e desperdícios no SNS, o aperfeiçoamento do modelo de contratualização e de financiamento, a partilha de resultados dos Centros Médicos e a definição de sistema de incentivos institucionais e individuais".

O GAH vai funcionar na dependência da Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS) e vai ser constituído por dois elementos designados pelo Conselho Diretivo da ACSS, um elemento pelo gabinete do ministro da Saúde, um pelo gabinete do secretário de Estado da Saúde e um de cada Administração Regional de Saúde.

"Os elementos que integram o GAH exercem as suas funções no horário de trabalho, não lhes sendo devida remuneração adicional, mas têm direito à afetação de tempo específico para a realização dos trabalhos, bem como ao abono de ajudas de custo e deslocações suportadas pelos seus respetivos locais de origem", é ainda referido no despacho.

De acordo com o Governo, o GAH deve apresentar relatórios mensais de atividade.
Governo Grupo de Acompanhamento dos Hospitais Serviço Nacional de Saúde saúde política
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)