Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
7

Guerra dura em Canas

A campanha pela conquista da Junta de Freguesia de Canas de Senhorim, no concelho de Nelas, está desde já marcada pela troca de acusações entre os candidatos das duas listas, ambas independentes, que já valeram a apresentação de queixas na GNR, por agressões, insultos e danos.
6 de Setembro de 2005 às 00:00
As lutas do povo de Canas de Senhorim são conhecidas de todos
As lutas do povo de Canas de Senhorim são conhecidas de todos FOTO: Luís Oliveira
De um lado está a lista liderada por Aires dos Santos, que acusa os opositores de criar um “clima de medo e terror”, enquanto do outro se encontra Luís Pinheiro, actual presidente da Junta e líder do Movimento de Restauração do Concelho de Canas de Senhorim (MRCCS), que fala em “repulsa natural” e em “empolamento” dos factos.
António Mouraz, que ocupa o terceiro lugar da lista ‘Só Canas’, liderada por Aires dos Santos, disse ao CM que “está instalado na terra um clima de terror, medo e intimidação de tal ordem que as pessoas não podem manifestar-se”, dando como exemplo os incidentes ocorridos durante a recolha de assinaturas, em que um elemento da lista foi agredido na Junta de Freguesia, e ainda a destruição de placas indicativas da sua quinta de turismo rural, acompanhada de insultos. Os dois incidentes foram participados à GNR.
Por seu lado, Luís Pinheiro diz que os seus opositores “estão a ser manipulados pela Câmara Municipal de Nelas, que os ‘empurrou’ para uma lista” concorrente à sua, o que criou uma “repulsa natural forte entre o povo”. Nega o clima de intimidação e acusa-os de lançarem “calúnias para a rua”.
EM CAMPANHA
LISTA ABRANGENTE
A lista ‘Só Canas’ reúne “várias tendências políticas” e defende uma actuação “equidistante” da Câmara Municipal de Nelas, qualquer que seja a constituição do novo executivo.
ATRAIR RIQUEZA
A freguesia tem de “retomar a dignidade a que tem direito”, o que significa criar um “clima de segurança para os investidores” e fomentar o comércio e a indústria, diz aquela lista.
SEM ‘SLOGAN’
“Não tenho ‘slogan’ porque não tenciono fazer campanha”, contrapõe Luís Pinheiro, actual presidente da Junta e líder do Movimento de Restauração do Concelho de Canas de Senhorim.
LUTA CONTINUA
O autarca defende que o trabalho feito durante o mandato “está à vista. Canas é conhecida pela sua luta e é nesse sentido que nos vamos apresentar”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)