Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
1

“Há uma estratégia contra José Sócrates”

O presidente do PS, Almeida Santos, afirmou este sábado que "há uma estratégia" contra José Sócrates e que o primeiro-ministro, a propósito do processo "Face Oculta", está agora a ser alvo da quarta acusação grave "sem provas".
20 de Fevereiro de 2010 às 11:24
Almeida Santos
Almeida Santos FOTO: Duarte Roriz

Almeida Santos falava aos jornalistas à entrada para a reunião da Comissão Nacional do PS, órgão máximo deste partido entre congressos.  

Interrogado sobre o eventual envolvimento do primeiro-ministro na tentativa de compra da TVI pela PT, Almeida Santos reivindicou a sua qualidade de jurista e frisou que "quem acusa prova".  “Ele [José Sócrates] não tem que defender-se de provas que ainda não foram apresentadas. Estamos perante uma inversão do ónus da prova. Onde  está a acusação contra Sócrates?", interrogou-se o presidente do PS.  

Para Almeida Santos, "é evidente que há uma estratégia contra José Sócrates" e referiu-se indiretamente a outros processos em que o primeiro-ministro foi alvo de acusações, como os casos "Freeport" e da Universidade  Independente.   

"Vamos na quarta acusação grave [contra José Sócrates] e já provaram alguma coisa? A primeira falhou, a segunda falhou, a terceira falhou e a quarta também vai falhar", disse.  

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)