Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
8

JSD em rutura com Rui Rio por debates quinzenais

Deputados criticam falta de debate interno e pedem hoje à bancada liberdade de voto.
Wilson Ledo 23 de Julho de 2020 às 08:10
Rui Rio e a líder da Juventude Social-Democrata, Margarida Bolseiro Lopes
Rui Rio e a líder da Juventude Social-Democrata, Margarida Bolseiro Lopes FOTO: Lusa
A aprovação do PSD ao fim dos debates quinzenais com o primeiro-ministro está gerar uma nova fratura no grupo parlamentar social-democrata. Margarida Balseiro Lopes, líder da JSD, e Pedro Rodrigues, antigo presidente daquela estrutura, pedem que seja levantada a disciplina de voto e criticam a falta de diálogo interno sobre a questão.

Caso Rui Rio, como líder parlamentar, não ceda, a presidente da JSD admite vincar uma posição. “Terei de votar de acordo com a minha consciência e de acordo com aquela que é a vontade maioritária das pessoas que representamos”.

Nos trabalhos na especialidade, Pedro Rodrigues já tinha destoado do partido ao afirmar que o fim dos debates quinzenais “empobrece a democracia”. Por isso, pediu também a liberdade de voto na avocação para o plenário de hoje, anunciada pelo Bloco de Esquerda.

Os dois convergem nas críticas à falta de diálogo no seio do grupo parlamentar laranja. “Insólito” e “bizarro” foram os adjetivos usados para criticar o facto de o maior partido da oposição reduzir o escrutínio do Executivo, num “Governo que tem por hábito não responder à esmagadora maioria das perguntas que se lhe coloca”, rematou Balseiro Lopes.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)