Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
8

MAI e Saúde com maiores mexidas

Continuam as mexidas no Governo. Depois da posse de Ana Jorge e de José António Pinto Ribeiro nas pastas da Saúde e da Cultura, chegou a vez dos secretários de Estado. A maior remodelação acontece no Ministério da Administração Interna (MAI) com a saída de Ascenso Simões e Rocha Andrade, dois elementos da equipa de António Costa quando este era ministro, o que significa que este mantém influência no Governo.
1 de Fevereiro de 2008 às 10:00
Rocha Andrade passa da Administração Interna para a Defesa, onde deverá ficar responsável pela reestruturação de carreiras nas Forças Armadas e pela renegociação da Lei de Programação Militar (LPM). O ministério de Severiano Teixeira fica com mais uma secretaria de Estado.
Ascenso Simões assume a Secretaria de Estado das Florestas em substituição de Rui Gonçalves, que abandona o Executivo.
A nova equipa do MAI é composta por Rui Sá Gomes, actual director-geral dos Serviços Prisionais e homem de confiança do ministro Rui Pereira. Para o lugar de Ascenso Simões entra o governador civil de Leiria, José Miguel Medeiros.
No Ministério da Saúde, assiste-se à saída de Carmen Pignatelli e à entrada de Manuel Pizarro para secretário de Estado adjunto. Permanece Francisco Ventura Ramos como secretário de Estado da Saúde. Para a área da Cultura, António Cavalheiro Dias é o novo chefe de gabinete de Pinto Ribeiro, enquanto para a secretaria de Estado, em substituição de Mário Vieira de Carvalho, fala-se de Nuno Gaioso Ribeiro, do PS de Lisboa.
DE REGRESSO AO PARLAMENTO
A ex-ministra da Cultura retomou ontem o cargo de deputada à Assembleia da República. O regresso de Isabel Pires de Lima, que ditou a saída da deputada socialista Ana Maria Rocha do Parlamento, acontece apenas 24 horas depois de ter abandonado o Governo, juntamente com o ministro da Saúde, Correia de Campos.
Segundo avançou ao CM fonte do gabinete do grupo parlamentar do PS, Isabel Pires de Lima participou ontem no plenário, depois de o seu regresso ter sido aprovado por unanimidade na Comissão Parlamentar de Ética.
Ana Maria Rocha, eleita pelo círculo do Porto, foi assim obrigada a deixar a bancada parlamentar socialista, cargo que ocupava desde que Isabel Pires de Lima assumiu funções no Governo. Na página oficial do Parlamento, o nome da ex-ministra da Cultura já constava na lista de deputados do PS.
OS ESCOLHIDOS
DA ASSEMBLEIA PARA A SAÚDE: Manuel Pizarro
O novo secretário de Estado da Saúde é Manuel Pizarro, deputado da bancada socialista na Assembleia da República, eleito pelo círculo do Porto. Licenciado em Medicina, Manuel Pizarro, que faz amanhã 44 anos, é ainda membro da Assembleia Municipal do Porto.
DE LEIRIA PARA A PROTECÇÃO CIVIL: José Miguel Medeiros
José Miguel Medeiros é actualmente governador civil de Leiria, cargo que assumiu em Abril de 2005 e que abandona agora para integrar o Governo como secretário de Estado da Administração Interna. Foi vereador da Câmara Municipal de Ansião e presidente da distrital de Leiria do Partido Socialista.
PRISÕES PERDEM DIRECTOR: Rui Sá Gomes
O novo secretário de Estado da Administração Interna, Rui Sá Gomes, é licenciado em Direito pela Faculdade de Direito de Lisboa e desempenhava o cargo de director de serviços em área operacional do SIS antes de assumir o cargo de director-geral dos Serviços Prisionais, que agora abandona.
DO MAI PARA A DEFESA: Rocha Andrade
Nascido em Coimbra a 19 de Fevereiro de 1971, Fernando Rocha de Andrade é licenciado em Direito. O advogado deixa o cargo de subsecretário de Estado da Administração Interna para assumir a Secretaria de Estado da Defesa.
Ver comentários