Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
3

MALTA CONVOCA ELEIÇÕES ANTECIPADAS PARA ABRIL

A fraca margem de vitória do “sim” no referendo sobre a adesão de Malta à União Europeia levou o primeiro-ministro Eddie Fenech Adami a convocar eleições legislativas antecipadas para 12 de Abril. Estas eleições serão determinantes para a adesão do arquipélago mediterrâneo à UE.
12 de Março de 2003 às 00:00
O “sim” venceu o “não” por uma margem de apenas 7%, o que não deixou Adami nada satisfeito. O primeiro-ministro maltês considerou que os 91% de eleitores que foram às urnas no passado sábado não deixaram uma posição clara sobre a adesão do país à UE, pelo que quer clarificar a situação.

Adami decidiu convocar eleições antecipadas mesmo depois de o presidente da Comissão Europeia, Romano Prodi, ter saudado o resultado do referendo, que considerou “positivo”, e ter assegurado que Malta participará no processo de decisão na UE em pé de igualdade com os outros Estados–membros.

O escrutínio de Abril tem um factor de risco bastante elevado que implica a não adesão do país à UE. O Partido Trabalhista, na oposição, é contra a entrada do país na União e não se vai poupar a esforços para vencer as eleições.

A votação de 12 de Abril tem ainda outro factor crucial: ocorre apenas quatro dias antes da data marcada para a assinatura dos Tratados de Adesão.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)