Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

MALTA VAI A VOTOS SOBRE ADESÃO À UNIÃO EUROPEIA

O ano dos referendos nos dez países candidatos à adesão à União Europeia é hoje inaugurado em Malta. Os eleitores malteses vão às urnas profundamente divididos sobre a adesão, o que leva líderes locais e europeus a temerem uma vitória do “não”.
8 de Março de 2003 às 00:00
Este cenário atrasaria o processo de adesão de Malta, além de que reforçaria o movimento eurocéptico em todo o continente, podendo levar a resultados semelhantes noutros países candidatos.

Os apoiantes do “sim” e do “não” em Malta concentram-se em redor dos dois principais partidos políticos. Fortes defensores da adesão, os Nacionalistas, do primeiro-ministro Eddie Adami, têm-se desdobrado em comícios, frisando que o turismo terá muito a lucrar com a entrada do país na UE. Por seu lado, os Trabalhistas, na oposição, ameaçam com os fantasmas do desemprego e da perda de soberania.

O próximo país a ir a referendo é a Eslovénia, dia 23.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)