Barra Cofina

Correio da Manhã

Política

Marcelo diz que é ilegal

Marcelo Rebelo de Sousa considerou ontem, na RTP, um “erro” e uma “insensatez política” a decisão do anterior Executivo em avançar com o despacho de abate a 2605 sobreiros, apenas a 4 dias das legislativas. Mais, o professor acrescentou que o despacho “não explica” a sua urgência e por isso “é ilegal”.
16 de Maio de 2005 às 00:05
O constitucionalista não quis adiantar muito mais sobre o facto de dois ministros – Telmo Correia e Costa Neves – só terem assinado o despacho após as eleições, mas criticou os moldes do processo, conduzido por Nobre Guedes e, lembrou a dificuldade para provar o tráfico de influências. Por fim, afirmou que o défice poderá chegar aos 7,5 por cento. Situação que obriga a medidas impopulares de José Sócrates.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)