Marcelo não esquece o roubo de armas em Tancos

Presidente da República sublinha "a exigência de esclarecimento cabal", lê-se no site da presidência.
14.07.18
Marcelo Rebelo de Sousa voltou a reiterar que não esquece o desaparecimento de armamento em Tancos e deixou uma nova nota no site da Presidência.
Marcelo não esquece o roubo de armas em Tancos

"O Presidente da República reafirma, de modo ainda mais incisivo e preocupado, a exigência de esclarecimento cabal do ocorrido com armamento em Tancos. E tem a certeza de que nenhuma questão envolvendo a conduta de entidades policiais encarregadas da investigação criminal, sob a direção do Ministério Público, poderá prejudicar o conhecimento, pelos Portugueses, dos resultados dessa investigação. Que o mesmo é dizer o apuramento dos factos e a eventual decorrente responsabilização", pode ler-se.

Nova nota surge na sequência da manchete deste sábado do semanário Expresso que afirma que "ainda há explosivos de Tancos à solta".

Lembre-se que a investigação não conseguiu apurar quem foram os autores do roubo aos paióis de armamanto do Exército em Tancos, apesar de a maioria das armas ter sido recuperada - após denúncia anónima - num barracão de Almeirim.



pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!