Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
4

Menezes ataca Mendes

Marques Mendes tem razões para estar preocupado com a sua liderança no PSD: ontem, enquanto acusava o Governo, durante a sua visita ao Brasil, de “estar mesmo no caminho errado”, uma posição contrária à opinião do próprio Presidente da República, Luís Filipe Menezes anunciou que vai fazer um almoço contra “quem acha que se faz melhor oposição do estrangeiro”.
20 de Novembro de 2006 às 00:00
O adversário de Mendes na luta pela liderança do PSD foi peremptório: “O PSD mantém-se nesta oposição titubeante, silenciosa, redonda, e, depois, quando as coisas começam a aquecer, há um estremação súbito, aquilo que chamo ziguezague.”
Mais, para Menezes, “o Presidente da República está a desempenhar bem o seu papel. Quem está a desempenhar mal o seu papel é o Governo e a oposição”. Por isso, o presidente da Câmara de Gaia quer organizar um mega-almoço, “uma manifestação contra quem acha que se faz melhor oposição no estrangeiro”.
A divergência entre o líder do PSD e a posição defendida por Cavaco Silva não é oficialmente assumida, mas parece estar para durar.
Em entrevista à SIC, Cavaco Silva considerou que Portugal “passou um período mau”, mas que, agora, com o actual Governo, está no bom caminho, reafirmou a cooperação estratégica com o Executivo e apontou “sinais positivos na economia”. Marques Mendes já afirmara que o Executivo não tem “um espírito reformista”.
Mendes voltou a criticar o primeiro-ministro, por considerar que “está a fazer tudo ao contrário do que prometeu”, e garante que “já ninguém acredita em promessas”. E acusou o Governo de gastar “tanto dinheiro em coisas inúteis e que haja tão pouco dinheiro para o ensino português” no estrangeiro.
BRANQUINHO PEDE RECATO
O líder da distrital do PSD no Porto, Agostinho Branquinho, pediu sábado, na tomada de posse de Luís Filipe Menezes na concelhia de Gaia, ao Presidente da República, Cavaco Silva, “mais recato nas loas” ao primeiro-ministro, José Sócrates, e considerou que Cavaco Silva “devia ter mais recato nas declarações que profere”, relembrando que foi um dos que ajudou a eleger o Presidente da República. Branquinho demarca-se da posição que o Presidente tomou esta semana ao defender o Governo.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)