Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
6

Militares no Kosovo impedidos de votar

Situação decorre da lei eleitoral.
19 de Setembro de 2013 às 19:40

Os militares portugueses que partiram esta quinta-feira para o Kosovo não vão poder votar nas eleições autárquicas de 29 de setembro.

O porta-voz do Exército português disse esta quinta-feira que esta situação decorre da lei eleitoral. Segundo a mesma, alguns eleitores podem exercer o direito de voto entre o décimo e o quinto dia antes das eleições, ou seja, entre hoje e terça-feira. Uma vez que os 48 militares já partiram para o Kosovo e só regressam após as eleições, não poderão exercer o seu direito de voto.

O tenente-coronel Jorge Pedro disse ainda que os militares que partiram anteriormente para o estrangeiro estarão, igualmente, impedidos de votar.

O presidente da Associação Nacional de Sargentos, Lima Coelho, reforçou que alguns dos militares procuraram, inclusive, “informação sobre como poderiam exercer o seu direito de voto”. Foi-lhes dito que “de acordo com a informação da Comissão Nacional de Eleições, não há hipótese de alterar a data de voto antecipado”.

eleições autárquicas militares Kosovo votos Portugal
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)