Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
5

“Militares têm receio”

Tasso Figueiredo, Dirigente da Associação dos Oficiais das Forças Armadas, sobre o Fundo de Pensões dos Militares
23 de Agosto de 2011 às 00:30
“Militares têm receio”
“Militares têm receio”

Correio da Manhã – O Fundo de Pensões dos Militares das Forças Armadas (FPMFA) está à beira da falência. Como encara esta situação?

Tasso Figueiredo – A não haver uma solução para o problema, os militares têm motivos para recear o não pagamento do complemento de pensão.

- O FPMFA tem um défice de 298 milhões de euros. Quem são os responsáveis por isto?

– Desde a criação do Fundo, em 1990, todos os governos têm responsabilidades porque nunca capitalizaram o Fundo com as verbas necessárias.

- Face ao elevado défice do Fundo, acredita que é possível mantê-lo?

– Aqui não é uma questão de acreditar ou não na resolução do problema. É uma questão de ser ou não inaceitável. Para os militares, é inaceitável.

- É verdade que muitos militares desistiram do FPMFA?

– Há uns milhares largos de militares que desistiram do Fundo.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)