Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

Ministra deu aval a contrato swap

PS e PCP pedem demissão da ministra das Finanças por razões éticas
27 de Julho de 2013 às 01:00
Maria Luís Albuquerque contratou, via Parpública, com swap associado
Maria Luís Albuquerque contratou, via Parpública, com swap associado FOTO: Manuel de Almeida/Lusa

A ministra das Finanças, permitiu, em janeiro deste ano, um contrato entre a Parpública e a ELOS - Ligações de Alta Velocidade com swap associado, com uma perda potencial de 180 milhões de euros.

No contrato, a que o CM teve acesso, pode ler-se: "O financiamento em causa tem associados vários contratos swap de taxa de juro originalmente negociados entre os diferentes bancos e a ELOS, cujo valor de mercado, atualmente desfavorável à ELOS, ascende a cerca de 180 milhões de euros que a Parpública tem de assumir nos termos do acordo global".

Outros documentos, na posse do CM, provam que Maria Luís Albuquerque sabia de todos os swap. A ministra recebeu a 17 de outubro de 2011, uma informação da ex-diretora-geral do Tesouro e Finanças, Elsa Roncon, onde constava uma relação de 143 swap com um valor de 15 143 milhões de euros e com perdas potenciais de 1614 milhões.

A ministra mostrou-se ontem disponível para dar explicações no Parlamento, mas, apesar disso, o PCP e o PS pediram a sua demissão por razões éticas. 

SWAP MARIA LUÍS ALBUQUERQUE
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)