Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

"Não é este o momento" de falar sobre recandidatura à Presidência, diz Marcelo

Presidente da República vincou que "o que preocupa os portugueses é a vida, a saúde, o emprego, o rendimento e os salários".
Lusa 22 de Maio de 2020 às 15:58
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
O Presidente da República recusou hoje abordar uma eventual recandidatura, frisando que as preocupações dos portugueses são a vida, saúde, emprego, rendimento e salários, admitindo que a partir de novembro se fale de "outras coisas".

"Acho que não, seria um desperdício [falar sobre candidaturas presidenciais no almoço com o presidente do PSD]. Hoje vamos falar do que é prioritário, que é o que ainda estamos a viver [devido à covid-19]. O resto tem o seu momento. Não é este o momento", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa em Ovar, concelho do distrito de Aveiro onde existiu a primeira e mais longa cerca sanitária do país devido à pandemia.

O Presidente da República vincou que "o que preocupa os portugueses é a vida, a saúde, o emprego, o rendimento e os salários".

Quanto ao resto, "não é este o momento", declarou.

"Há prioridades. O que preocupa mais os portugueses, hoje, é isto", vincou, acrescentando que "em novembro, dezembro, janeiro, poderá falar-se de outras coisas".

Na quarta-feira da semana passada, durante uma visita à Volkswagen Autoeuropa, o primeiro-ministro, António Costa, manifestou a expectativa de esperar regressar àquela fábrica com o atual Presidente da República já num segundo mandato de Marcelo Rebelo de Sousa, contando, portanto, com a sua recandidatura e reeleição.

Presidência Marcelo Rebelo de Sousa política chefes de estado
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)