Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
5

Nogueira Pinto: Carmona sujeito a pressões

Maria José Nogueira Pinto, vereadora do CDS-PP na Câmara Municipal de Lisboa (CML), acusou este domingo o presidente da autarquia, Carmona Rodrigues, de ter cedido a pressões nos acontecimentos que precipitaram o fim da coligação de direita.
26 de Novembro de 2006 às 20:37
Entrevistada no programa ‘Diga lá, excelência’, da Rádio Renascença, jornal Público e RTP, Nogueira Pinto afirmou que Carmona Rodrigues “não é livre para escolher quem ele quer para preencher os lugares das empresas ou sociedades municipais”.
A vereadora democrata-cristã considera que a “questão de fundo” é saber porque razão é que o “PSD convida o professor Carmona para ser seu candidato nas autárquicas, e por ser independente é que ele ganha as eleições”, e depois o autarca fica “sujeito a pressões”.
Recorde-se que o presidente da CML decidiu retirar os pelouros a Nogueira pinto, dia 15 de Novembro, depois de a vereadora do CDS-PP ter rejeitado a nomeação de Nunes Barata, proposta por Carmona Rodrigues, para a presidência da Sociedade de Reabilitação Urbana (SRU) da Baixa Pombalina.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)