Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
7

Noites em hotéis de luxo

Cavaco Silva e Mário Soares vão passar as noites de campanha eleitoral que realizam no Porto em dois dos mais luxuosos, se não mesmo os mais luxosos, hotéis da capital do Norte. Enquanto o candidato apoiado pelo PSD e pelo CDS-PP passa seis noites na suite do Hotel Sheraton, o candidato oficial do PS pernoita duas noites num quarto normal do Hotel Infante Sagres, onde normalmente costuma dormir na suite. Os preços destas suites oscilam entre mil e dois mil euros por dia.
13 de Janeiro de 2006 às 00:00
Noites em hotéis de luxo
Noites em hotéis de luxo FOTO: António Rilo
Cavaco Silva e toda a sua comitiva estão instalados no ‘Sheraton Porto Hotel e SPA’, tendo o candidato apoiado pelo PSD e CDS-PP escolhido a suite presidencial, que custa, por noite, dois mil euros. Cavaco ficará instalado seis noites naquela suite, que “no fundo é um miniapartamento”, conta ao CM a chefe de recepção do hotel, Sofia Gomes. A mesma esclarece que no Porto, “equivalente a esta suite, só há duas: no Meridian e no Porto Palácio”, acrescentando que, talvez devido ao preço não é dos quartos “que tem mais procura”.
A suite presidencial do Sheraton, com uma área de 240 metros quadrados, situa-se no 11.º andar do hotel e tem, além de um quarto e de uma casa de banho com jacuzzi e chuveiro com hidromassagem, uma sala de jantar com uma grande mesa e um piano com meia cauda, um escritório com ligação à internet, uma cozinha semelhante a uma kitchnet, um closed (quarto de vestir).
O CM sabe que a comitiva de Cavaco terá um desconto de cerca de 15% sobre o preço dos quartos, que no Sheraton situam-se entre os 185 euros (quarto deluxe individul) e os 450 euros (suite executiva), preços que não incluem pequeno-almoço. Este, quando pedido, acresce 16 euros ao preço dos quartos e suites. Pinto da Costa, presidente do FC Porto, é frequentador habitual deste hotel. Ontem mesmo foi lá visto.
Mário Soares, que no próximo fim-de-semana se deslocará ao Porto, ficará uma vez mais hospedado no Hotel Infante Sagres, no centro da cidade Invicta. Só que dormirá num quarto simples, em vez da suite presidencial, ao contrário do que é habitual quando se desloca ao Porto. Os preços dos quartos oscilam entre 160 e 180 euros, com a suite a custar mil euros por noite.
A suite presidencial custa mil euros por noite e Mário Soares, em tempo de “vacas magras”, optou por pernoitar num “quarto normalíssimo”, segundo revelou ao CM fonte daquela unidade hoteleira. Ainda como primeiro-ministro e nos dois mandatos presidenciais, era habitual Soares ficar na suite presidencial, onde recebia os amigos e convidados no Porto. Mário Soares apreciou sempre o hotel clássico, situado na Praça de Dona Filipa de Lencastre, levando a PSP a reforçar a patrulha, nas imediações, para além da escolta pessoal do Chefe de Estado. Eram os guarda-costas de Mário Soares, então Presidente da República, que costumavam fechar as portas exteriores do hotel, depois da meia-noite.
Cliente ilustre do Hotel Infante de Sagres, Mário Soares apenas uma vez, em finais dos anos 80, não pernoitou ali, tendo ficado na ala do Quartel General na Região Militar do Norte, destinada a Chefes de Estado.
MINIAPARTAMENTO
A suite presidencial escolhida por Cavaco Silva é semelhante a um miniapartamento, pois além do quarto e da casa de banho com jacuzzi e duche com hidromassagem, tem ainda um escritório, uma sala de jantar com uma grande mesa e um piano com meia cauda, um closed (quarto de vestir) e uma cozinha semelhante a uma kitchnet. Tudo isto em 240 metros quadrados no 11.º andar do Sheraton Porto Hotel e SPA.
QUARTO
Desta vez, Mário Soares não ficará na suite presidencial, tendo pedido um quarto normal, que custa 160 a 180 euros, tratando-se de um aposento de luxo, segundo fonte do Hotel Infante de Sagres, no Porto.
Unidade hoteleira de cinco estrelas, o Infante de Sagres receberá de novo o agora candidato à Presidência.
Antes, Mário Soares não prescindia da suite presidencial, mas o candidato apoiado pelo PS optou por uma estadia mais modesta, no Porto, durante este fim-de-semana. Ficará no mesmo hotel, mas agora num quarto, até porque não tem estatuto de figura de Estado. Mudam os tempos, mudam as vontades, pode dizer-se neste caso com Mário Soares.
ESCOLHAS MAIS MODESTAS
Manuel Alegre também vai pernoitar no Porto. Escolheu o Hotel Ipanema Park, um cinco estrelas, situado na Rua de Serralves, mais modesto do que os escolhidos por Cavaco e Soares. É que um quarto neste hotel custa 130 euros, por noite, e a suite executiva, 275 euros.
Alegre ficará hospedado uma noite no Ipanema Park, uma vez que tem prevista, para dia 17, uma acção de campanha naquela cidade que terminará com uma festa-comício no Rivoli, onde participará o cantor Pedro Barroso. Neste dia o candidato visita, manhã cedo, a lota de Matosinhos, local onde se registaram confrontos durante a campanha para a eleição dos eurodeputados que levaram à morte de Sousa Franco, cabeça de lista pelo PS.
Já Francisco Louçã, durante a sua campanha no Porto, escolheu pernoitar em Braga. Contactada pelo CM a assessoria do candidato, esta não soube identificar o hotel onde o candidato ficará duas noites.
Garcia Pereira já fez saber que durante as acções de campanha que realizar fora da sua área de residência irá pernoitar em casa de amigos. E Jerónimo de Sousa, faça campanha longe ou perto, irá sempre dormir a casa.
PRESOS VOTAM EM LISBOA
Dez reclusos do Estabelecimento Prisional de Lisboa (EPL) votaram ontem antecipadamente para as eleições presidenciais do dia 22 de Janeiro na presença de um vereador da autarquia da capital. Além dos dez reclusos, o vereador António Prôa, em representação do presidente da autarquia, também recolheu ontem os votos de quatro doentes internados nos hospitais Egas Moniz (2) e Júlio de Matos (2).
DE MANDATÁRIA PARA 1.ª DAMA
Sempre ao lado de Cavaco Silva, a fadista Katia Guerreiro já ultrapassou o papel de mandatária para a juventude, conquistando o estatuto de “primeira-dama” da campanha. Sem falhar uma acção, sempre sorridente, a fadista distribui panfletos na rua, chama a atenção para as pessoas que das janelas querem cumprimentar o candidato.
SOARES NO 'EL PAÍS'
Mário Soares foi ontem notícia no diário espanhol ‘El País’, pelas acusações que fez à Comunicação Social e à banca. Segundo o candidato apoiado pelo PS, tanto os media como a banca apoiam Cavaco, “o seu rival”, escreve o jornal, que divulga ainda as sondagens do ‘CM’, ‘Diário de Notícias’ e Antena 1, todas prevendo uma “vitória clara” do ex-primeiro-ministro.
EMPATE TÉCNICO
Segundo uma sondagem da Intercampus para a TVI, Cavaco Silva ganha as eleições presidenciais com 52,4% e Alegre e Soares estão praticamente empatados, pois o primeiro reúne 17,4% enquanto o segundo regista 17%. Jerónimo de Sousa surge na quarta posição, com 6,9%, seguido de Francisco Louçã com 5,8%, e de Garcia Pereira com 0,4%.
A EQUIPA DOS CANDIDATOS
MANDATÁRIO NO PORTO (Valente de Oliveira)
“É importante contar com alguém que sabe tudo”, afirmou ontem o mandatário para o Porto de Cavaco Silva, no almoço-convívio de Paços Ferreira. O ex-ministro de vários governos PSD exortou a que “ninguém se negue ao esforço de construção do País”. Professor catedrático na Universidade do Porto, Valente de Oliveira é doutorado em engenharia pela mesma universidade.
ORGANIZADOR VITORIOSO (Rui Pereira)
Desde 1995 que “toma conta” das campanhas do PS. Diz que já fez “nove ou dez” e que só perdeu uma. “Foi com Ferro Rodrigues [ganhou Durão Barroso (2002)] e foi por pouco”. Rui Pereira tem 41 anos e “meteu férias” na Câmara Municipal de Sintra, onde é vereador do PS (desporto), para ajudar Mário Soares a regressar a Belém. “Só me pagam o alojamento e a alimentação”, assegurou ao ‘CM’.
O BRAÇO-DIREITO (Miguel Portas)
Miguel Portas tem 48 anos e é o braço-direito de Francisco Louçã . Com excepção de quarta-feira, o eurodeputado tem colocado a sua agenda pessoal de lado e é uma presença constante em todas as acções de campanha. Incansável nas caminhadas pelas ruas do País, Portas em tido algumas das intervenções mais inflamadas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)