Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
6

OPOSIÇÃO QUER CONTRADITÓRIO NA AUDIÇÃO DE PAES DO AMARAL

O presidente do conselho de administração da TVI, Miguel Paes do Amaral, vai ser ouvido segunda-feira no Parlamento para explicar as razões do fim dos comentários de Marcelo Rebelo de Sousa naquela estação televisiva.
23 de Outubro de 2004 às 00:00
A audição na Subcomissão de Direitos Fundamentais e Comunicação Social deverá ser aberta à comunicação social, mas PS e PCP (o BE não tem assento nesta subcomissão parlamentar) já lamentaram que a audição de Paes do Amaral vá decorrer “sem possibilidade de contraditório”.
Na sequência da saída de Marcelo da TVI, o PS apresentou um requerimento para que, além de Paes do Amaral, fossem ouvidos no Parlamento o ex-comentador e o ministro dos Assuntos Parlamentares, Rui Gomes da Silva, que criticou o antigo presidente do PSD pelos seus comentários televisivos dois dias antes deste abandonar a TVI.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)