Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
8

Parlamento aprova voto de pesar pela morte de Fernando Sousa

Jornalista morreu na noite de quarta para quinta-feira.
10 de Outubro de 2014 às 12:59
Fernando de Sousa tinha 65 anos
Fernando de Sousa tinha 65 anos FOTO: Direitos Reservados

O parlamento aprovou esta sexta-feira por unanimidade um voto de pesar pela morte do jornalista Fernando de Sousa, que recordou como "um grande jornalista" e "um homem bom".

"Entre os seus pares, jornalistas portugueses e outros europeus, que diariamente dão a conhecer a União Europeia a partir de Bruxelas, Fernando Sousa era reconhecido como o decano, o símbolo e uma referência", assinala o voto, aprovado por unanimidade.

O jornalista e correspondente da SIC em Bruxelas, Fernando Sousa, de 65 anos, morreu na noite de quarta para quinta-feira, em Milão, onde se encontrava em serviço para acompanhar a cimeira sobre emprego.

"Raros serão os que hoje não recordam Fernando Sousa como um grande jornalista, um grande comunicador, mas sobretudo como um homem bom", refere o voto, que enaltece o "exemplo da isenção, respeito e verdade pelos factos".

Fernando de Sousa União Europeia Parlamento voto pesar
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)