PCP quer convencer governo a aumentar salário mínimo para 650 euros

Salário mínimo de 600 euros (previsto para 2019), 534 euros líquidos, não chega para alugar uma casa e em algumas zonas metropolitanas.
Por Lusa|12.10.18
PCP quer convencer governo a aumentar salário mínimo para 650 eurosO deputado comunista Francisco Lopes reiterou esta quinta-feira a exigência de aumento do Salário Mínimo Nacional (SMN) para 650 euros mensais em janeiro como forma de dinamização da economia e até de subida das receitas da Segurança Social.

Em debate parlamentar marcado pelo PCP para sustentar o seu projeto de resolução, a oposição PSD/CDS-PP e o partido do Governo, o PS, por seu turno, defenderam a importância das negociações em sede de concertação social, entre o executivo, as organizações patronais e as sindicais, com democratas-cristãos e sociais-democratas a acusarem os comunistas de protagonizarem uma mera "encenação".

"O aumento do SMN para 650 euros dinamiza o mercado interno, valoriza as atividades produtivas e os serviços, permite alargar as receitas da Segurança Social contribuindo para a sua solidez financeira e o aumento das prestações sociais - um reforço das receitas em mais de 260 milhões de euros por ano", declarou Francisco Lopes.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!