Pedrógão Grande penaliza Costa e poupa Governo

Primeiro-ministro cai dois pontos na avaliação aos líderes.
Por Diana Ramos|15.07.17
Pedrógão Grande penaliza Costa e poupa Governo
Se as eleições fossem hoje, os portugueses escolhiam o PS para governar. Quase um mês depois do incêndio de Pedrógão Grande, que vitimou 64 pessoas, os socialistas continuam a recolher a preferência dos inquiridos na sondagem CM/Aximage, reforçando até as intenções de voto face ao mês anterior, mas a popularidade do primeiro-ministro sai penalizada após a tragédia.

O barómetro mostra que os socialistas recolhem 44% das intenções de voto, mantendo a tendência de subida dos últimos meses, enquanto os sociais-democratas continuam a afundar: se os portugueses fossem às urnas, o partido de Passos Coelho recolhia 22,9% dos votos. A abstenção está nos 34,2%.

Na avaliação aos líderes dos principais partidos políticos, António Costa dá uma queda de dois pontos entre junho e julho: cai de uma nota de 15,6 valores para 13,1. Também Catarina Martins, coordenadora do BE, vê a avaliação cair de 11,8 pontos para 10,6, o que representa uma descida de mais de um ponto. E tanto Passos Coelho, líder do PSD, como Jerónimo de Sousa, secretário-geral do PCP, recuam meio ponto. Só Assunção Cristas, do CDS, sobe ligeiramente.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!