Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
4

Pedroso admite ‘Bloco Central’

O deputado Paulo Pedroso, que regressa à Assembleia da República na próxima semana, admitiu que o PS poderá formar Governo com o PSD, caso não conquiste a maioria absoluta nas eleições legislativas de 2009, reeditando o ‘Bloco Central’.
10 de Setembro de 2008 às 10:04
Paulo Pedroso retoma o lugar de deputado na próxima semana
Paulo Pedroso retoma o lugar de deputado na próxima semana FOTO: Manuel Moreira

Em entrevista à TSF, o socialista afirmou que “não se trata de um desejo”, mas antes de “garantir a governabilidade”, até porque “a esquerda não dá sinais de abertura”.

Pedroso admitiu que não foi uma boa experiência governar num Executivo minoritário e pediu “ousadia e ambição” para o programa político que o PS irá apresentar para as eleições legislativas do próximo ano. O antigo ministro do Trabalho avisou ainda que “só é possível acreditar na maioria absoluta se o partido contar com todos”, incluindo o deputado Manuel Alegre ou a eurodeputada Ana Gomes.

Para Pedroso, o Governo liderado por José Sócrates “cedeu ao moralismo da Igreja” e “não soube trabalhar com os movimentos sociais”, e o PS foi “tímido no conservadorismo, reverente ao catolicismo e preconceituoso perante os sindicatos”.

O líder parlamentar do PSD, Paulo Rangel, ainda não comentou a possibilidade de reedição do 'Bloco Central'.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)