Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

Perícia no tribunal

Julgamento de rede de corrupção envolve, entre outros, Armando Vara e José Penedos
5 de Setembro de 2013 às 01:00
Processo envolve conversas entre José Sócrates e Armando Vara
Processo envolve conversas entre José Sócrates e Armando Vara FOTO: Pedro Catarino

Uma perícia sobre o desmantelamento da Central de Alto Mira da empresa Redes Energéticas Nacionais chegou finalmente ao Tribunal de Aveiro, durante as férias judiciais, o que permitirá agora acelerar o julgamento do processo ‘Face Oculta’, que tem como principal arguido o sucateiro Manuel Godinho e conta já com 151 audiências.

Desde o mês de março que o processo só tinha uma sessão mensal, para garantir que a prova produzida não se perdia, mas a partir de outubro passará novamente a ter quatro sessões semanais. Ontem, no recomeço do julgamento, o tribunal voltou a inquirir um engenheiro da empresa de consultadoria Quadrante, que elaborou o estudo para a determinação das quantidades de betão que foram demolidas das bacias de retenção dos tanques da Central de Alto Mira. O juiz-presidente deu entretanto dez dias às partes para se pronunciarem sobre a perícia e as duas próximas sessões (agendadas para 27 de setembro e 1 de outubro), que servirão para serem ouvidos os peritos.

Entre os arguidos deste processo, sobre uma rede de corrupção, encontram-se ainda o ex-ministro Armando Vara, José Penedos e o filho, Paulo Penedos.

FACE OCULTA TRIBUNAL PROCESSO JULGAMENTO
Ver comentários