Barra Cofina

Correio da Manhã

Política

PJ investiga as contas da Câmara de Abrantes

A suspeita de irregularidades na Câmara Municipal de Abrantes na área dos recursos humanos, empreitadas e promoções está a ser investigada pela Polícia Judiciária (PJ) de Leiria.
4 de Outubro de 2007 às 00:00
Nélson Carvalho diz-se de consciência tranquila
Nélson Carvalho diz-se de consciência tranquila FOTO: João Pepino
Os inspectores visitaram a autarquia na terça-feira e levaram vários documentos, relacionados com a actividade do município. Segundo Nélson Carvalho, presidente da edilidade, a investigação da PJ surge na sequência de uma inspecção ordinária às contas da autarquia, feita pela Inspecção-Geral da Administração do Território (IGAT), em 2003. Nessa altura, terão sido detectadas “pequenas irregularidades na área financeira, recursos humanos, empreitadas e promoções”, adiantou o autarca.
A Câmara Municipal exerceu o direito do contraditório, rectificou alguns procedimentos administrativos, mas os inspectores da IGAT terão entendido remeter alguns documentos ao Ministério Público para investigação.
Nélson Carvalho afirma--se de consciência tranquila e promete aguardar com serenidade o desfecho do processo.
Ver comentários