Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
1

Porto festeja maioria clara de Rui Rio (COM VÍDEO)

"Maioria", gritaram todos assim que Rui Rio apareceu na sala da sede de campanha, às 23h00, sorridente e a acompanhar os cânticos de vitória da JSD.
12 de Outubro de 2009 às 02:00
n Contraste.  Enquanto Rui Rio comemorava a maioria absoluta na Av. dos Aliados, Elisa Ferreira era confortada pelos apoiantes.
n Contraste. Enquanto Rui Rio comemorava a maioria absoluta na Av. dos Aliados, Elisa Ferreira era confortada pelos apoiantes. FOTO: José Rebelo

'Quero, em primeiro lugar, agradecer ao povo do Porto, que voltou a dar-me a confiança. Pela primeira vez na cidade há um executivo que reforça a sua votação', foram as primeiras palavras do reeleito presidente.

Rio enviou cumprimentos a todos os candidatos vencidos, com um apelo. 'Em democracia é tão digno ganhar como perder, e eu conto com eles para colaborar em nome da cidade do Porto.'

Antes de fazer um apelo ao líder do PS, Rio deixou um recado. 'O PS teve hoje uma estrondosa derrota no Porto e em Portugal.' Depois, falou para o primeiro-ministro. 'Não me olhem como adversário político, mas como parceiro para o desenvolvimento do Porto. O Governo vai continuar a ter todo o meu respeito institucional. Espero receber o mesmo', referiu.

Logo depois de Elisa Ferreira, do PS, assumir publicamente a derrota, a música começou a tocar na sede de Rui Rio e os gritos de vitória da JSD explodiram na sala a transbordar de apoiantes com bandeiras no ar. 'Ninguém pára o Rui Rio', gritava-se. A festa continuou pela noite dentro.

Na sede de Elisa era o contraste. Viviam--se momentos de desilusão antes da chegada da candidata derrotada. 'Vou assumir o lugar no Parlamento Europeu com muita tristeza, porque queria ficar no Porto', revelou aos jornalistas Elisa Ferreira. Visivelmente emocionada, assumiu a derrota frente à coligação PSD-CDS/PP, liderada por Rui Rio, mas continua a sentir-se 'vitoriosa'. O facto de o seu adversário directo ter obtido a maioria absoluta não é, segundo disse, relevante. 'Sabíamos que era uma luta difícil, porque se tratava de uma coligação. Quero agradecer do fundo do coração a todo o movimento cívico que se gerou em torno desta candidatura. O Porto não vai ser o mesmo depois desta experiência', discursou Elisa Ferreira.

SAIBA MAIS

TERCEIRO MANDATO

Derrotou os socialistas Fernando Gomes em 2001, Francisco Assis em 2005 e agora Elisa Ferreira.

7 vereadores para o PSD/CDS contra oscinco mandatosdo PS e apenas um da CDU.

47,5 por cento dos votos foram recolhidos pela coligação liderada por Rui Rio. Aumentou a votação relativamente a 2005.

BAIRRO DO ALEIXO

Em Lordelo, onde está situado o polémico bairro do Aleixo,a coligação ‘Porto em Primeiro’ venceu uma das três mesas de voto. Rui Rio realçou esse facto no seu discurso.

APONTAMENTOS

VIEIRA DO MINHO

O PS voltou ao poder graças a uma vantagem de 26 votos sobre a coligação PSD/CDS-PP, cujo candidato era o pároco Jorge Dantas, que perdeu a presidência. Terras de Bouro era um município laranja desde as Autárquicas de 1976, mas ontem venceu o PS com uma vantagem de nove por cento.

BARCELOS

O histórico social-democrata Fernando Reis (na foto) perdeu a Câmara de Barcelos por uma diferença de mil votos para o candidato do PS, Miguel Costa Gomes, concorrente pela primeira vez. Reis nem discursou e a sua sede fechou às 21h00.

VALONGO

O candidato do PSD,Fernando Melo, venceu de novo, mas sem maioria.

VILA NOVA DE GAIA

Luís Filipe Menezes voltoua ganhar em Vila Nova de Gaia, com 62,1% dos votos, contra 25,4% do PS.

VILA DO CONDE

Mário Almeida, candidato do PS, venceu outra vez a Câmara de Vila do Conde. Presidente há 28 anos, o autarca, que vai realizar o seu último mandato, ganhou com uma maioria de 59,7% contra 31,14% do coligação PSD/CDS/PPM.

JOSÉ MOTA PERDE ESPINHO

O socialista José Mota, há 16 anos no poder, perdeu a Câmara Municipal de Espinho numa surpreendente vitória de Pinto Moreira, do PSD. O candidato social-democrata, vencedor por 134 votos de diferença, elegeu quatro vereadores contra três do PS. Pinto Moreira foi levado em ombros pelos seus apoiantes, que entusiasticamente gritavam 'PSD! PSD!'

DISSERAM

'Em democracia é tão digno ganhar como perder e eu conto com eles para colaborar em nome da cidade do Porto.'

Rui Rio Candidato do PSD/CDS

'Sinto-me vitoriosa. O Porto não vai ser o mesmo depois desta experiência. Vou assumir o lugar no Parlamento Europeu com muita tristeza, porque queria ficar no Porto.'

ELISA FERREIRA Candidata PS

VÍDEO:

 

Ver comentários