Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
9

Presidente pede "mais igualdade" a pensar nas "escravaturas dos tempos presentes"

Marcelo Rebelo de Sousa fala de problemas de liberdade no mundo e avisa que aparecem mais ditaduras que democracias.
30 de Outubro de 2018 às 11:16
Marcelo desaconselha 'perplexidades e incertezas' na educação, saúde e Segurança Social
Marcelo visita menina queimada nos fogos de outubro de 2017
Marcelo desaconselha 'perplexidades e incertezas' na educação, saúde e Segurança Social
Marcelo visita menina queimada nos fogos de outubro de 2017
Marcelo desaconselha 'perplexidades e incertezas' na educação, saúde e Segurança Social
Marcelo visita menina queimada nos fogos de outubro de 2017
Marcelo Rebelo de Sousa esteve esta terça-feira na Assembleia-Geral da União Internacional dos Advogados que decorra no Porto, e onde falou das "escravaturas dos tempos presentes"

"Há cada vez mais leis contra a escravatura, mas também cada vez mais escravos. Sobretudo entre os migrantes, que são cada vez mais explorados por redes clandestinas", disse o presidente em conversa com os jornalistas.

Sem se referir a nenhum país em concreto, o Presidente da República lembrou ainda que "o número de democracias cresce e o número de ditaduras aumenta, o que não é uma boa notícia".
Marcelo Rebelo de Sousa Presidente da República Porto direitos migrantes escravaturas
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)