Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
7

PRESSÕES NOS AÇORES

O líder do PSD-Açores, Victor Cruz, voltou ontem – dia da abertura da campanha para as eleições regionais de dia 17 – a acusar o presidente do Governo Regional, Carlos César, de “exercer pressão política” sobre funcionários públicos do arquipélago.
4 de Outubro de 2004 às 00:00
O presidente do PS-Açores “fez pressão política clara sobre um funcionário público para que não fosse a uma iniciativa” da coligação PSD/CDS-PP, realizada em Abril passado na Ilha Terceira, acusou Victor Cruz, acrescentando que em causa está um telefonema de Carlos César a um funcionário que participou numa reunião da ‘Coligação Açores’.
Esta não é a primeira vez que o PSD-Açores faz acusações semelhantes a César, que garante nunca ter pressionado alguém durante a sua vida política e que ripostou acusando a coligação de apresentar “um sentido enorme de mesquinhez e vingança”.
Ver comentários