Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
5

PS ainda não decidiu candidato

O caso de Matosinhos corre o risco de ser último a ser fechado pela direcção nacional socialista. O processo foi há muito avocado por Jorge Coelho e nada está fechado. José Dias da Fonseca, do grupo Sonae, um dos hipotéticos candidatos, nem sequer foi convidado, apurou o CM junto de fonte segura.
16 de Maio de 2005 às 00:00
O nome de Guilherme Pinto não é pacífico por ser considerado muito próximo de Narciso Miranda e a estrutura local, liderada por Manuel Seabra, pode estar a preparar um apoio a Palmira Macedo que não colhe junto do Largo do Rato. Além disso, o mal-estar parece ter-se instalado. Tudo porque António Parada, o militante a quem chegou a ser determinada a expulsão do PS, na sequência dos incidentes na Lota de Matosinhos na campanha das eleições europeias, surgiu na cerimónia de candidatura de Francisco Assis à Câmara do Porto.
Jorge Coelho, o coordenador autárquico nacional, procura não hostilizar Narciso Miranda, que não será recandidato, e ouvi-lo no processo.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)