Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
8

PS quer ouvir ministro da Defesa no Parlamento

O PS quer ouvir com urgência no Parlamento o ministro da Defesa, José Pedro Aguiar-Branco, sobre a demissão de um administrador da Empordef e a situação dos Estaleiros de Viana do Castelo (ENVC) e do Arsenal do Alfeite.
5 de Março de 2012 às 22:51
José Pedro Aguiar-Branco, ministro da Defesa
José Pedro Aguiar-Branco, ministro da Defesa FOTO: Tiago Sousa Dias

"O grupo parlamentar do PS considera ser da maior urgência, porque do mais alto e imediato interesse nacional, ouvir na comissão de Defesa as explicações que o ministro da Defesa Nacional terá, por certo, a prestar sobre a situação dos ENVC, da sua administração e da administração da Empordef, e sobre a situação do Arsenal do Alfeite", refere o requerimento do PS, a que a agência Lusa teve acesso.

Um dos três administradores executivos da Empordef, Luís Miguel Novais, demitiu-se hoje alegando "inércia" na tomada de decisões por parte do Ministério da Defesa, e da própria 'holding', sobre os ENVC.

O PCP já anunciou que vai requerer a presença de Luís Miguel Novais no Parlamento, além do presidente do Conselho de Administração dos ENVC, Jorge Camões, e do presidente da Empordef, Vicente Ferreira.

Já o PS diz ainda, no requerimento, querer confrontar Aguiar-Branco com "antigas e reiteradas declarações" suas de "acerba crítica sobre alegadas pretéritas demoras na resolução da situação dos ENVC e da manifestação do seu aceso voluntarismo na sua rápida resolução, a qual aparenta não ter progredido desde a posse do Governo, há oito meses".

Outro dos motivos para o pedido de audição pelos socialistas é "a situação particularmente crítica" do Arsenal do Alfeite, que "fragiliza a Marinha de Guerra".

Ministro Defesa Parlamento José Aguiar-Branco Estaleiros Viana Alfeite PS Empordef
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)