Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
3

PS: Seguro anuncia conferência "em defesa do interior" do País

O secretário-geral do PS, António José Seguro, vai anunciar este domingo na Comissão Nacional do partido a realização de uma conferência em "defesa do interior" do país, defendendo que os portugueses do interior são "duplamente penalizados".
5 de Fevereiro de 2012 às 12:24
Seguro anunciará que a conferência em "defesa do interior" realiza-se no último fim-de-semana de Fevereiro, num distrito do interior a definir
Seguro anunciará que a conferência em 'defesa do interior' realiza-se no último fim-de-semana de Fevereiro, num distrito do interior a definir FOTO: Gregório Cunha / Sábado

Na intervenção na reunião da Comissão Nacional do PS, que decorre em Évora, à porta fechada, Seguro anunciará que a conferência em "defesa do interior" vai reunir "autarcas, empresários e outras forças vivas", no último fim-de-semana de Fevereiro, num distrito do interior a definir, disse à Lusa fonte socialista.

O líder socialista argumentará que "não há portugueses nem terras dispensáveis", mas "a realidade demonstra que os portugueses do interior são duplamente penalizados com os sacrifícios impostos pelo Governo".

Exemplo desta dupla penalização é, na Justiça, o encerramento de tribunais, e, na Saúde, as taxas de moderadoras a somarem-se aos custos de transporte "elevadíssimos", sustenta Seguro.

O líder socialista critica a "extinção de freguesias" com um "critério numérico", numa "medida altamente penalizadora do interior, porque coloca o Estado mais longe das populações".

Seguro vai discutir este domingo ao almoço com os presidentes das federações socialistas a realização desta conferência em defesa do interior.

A reunião da Comissão Nacional do PS, o órgão máximo partidário entre congressos, tem como ponto principal o processo de revisão dos estatutos e de modernização interna.

A Comissão Nacional integra 251 membros efectivos e reúne-se, de acordo com os estatutos do partido, de quatro em quatro meses.

De acordo com o programa, de manhã decorrerão debates sobre a modernização do Partido Socialista, o aprofundamento da participação política e organização e funcionamento, terminando a primeira parte dos trabalhos – que decorrem à porta fechada – com uma intervenção de António José Seguro, cerca das 13h00. A reunião será retomada às 15h00.

Comissão Nacional António José Seguro PS conferência
Ver comentários