Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
8

PSD acusa autarca do Montijo

O PSD Montijo acusa a presidente da autarquia, Maria Amélia Antunes, de ter reincidido nos crimes de peculato de uso e violação do dever de neutralidade e imparcialidade, dois dias depois de ter sido condenada pelo Tribunal local. Em causa está, segundo o PSD Montijo, a publicação de uma nova revista com o trabalho desenvolvido pela Câmara no interior do jornal local.
20 de Junho de 2005 às 00:00
Maria Amélia Antunes
Maria Amélia Antunes FOTO: Pedro Catarino
A revista, “paga com dinheiros públicos, é em tudo semelhante à que foi publicada há quatro anos e que deu origem ao processo que condenou a presidente”, referiu ao ‘Jornal de Notícias’ o presidente do PSD Montijo, Carlos Fradique, acrescentando que se trata de propaganda política e como tal, foi apresentada nova queixa à Comissão Nacional de Eleições.
Mas para Maria Amélia Antunes, a queixa não faz sentido pois “não estamos em período eleitoral nem foram ainda marcadas as eleições.” Refira-se ainda que a autarca recorreu da condenação.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)