Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
7

PSD recusa instabilidade

O PSD garantiu que fará uma Oposição responsável, apesar de manter o tabu sobre se mostrará cartão vermelho a José Sócrates através de uma moção de rejeição ao programa do Governo, que deve ser entregue no Parlamento na segunda-feira e discutido nos dias 5 e 6 de Novembro.
29 de Outubro de 2009 às 00:30
Aguiar Branco e Ferreira Leite garantem estabilidade governativa
Aguiar Branco e Ferreira Leite garantem estabilidade governativa FOTO: Tiago Petinga/Lusa

"Vamos aguardar por aquilo que é o programa do Governo", disse ontem o líder parlamentar social--democrata, Aguiar Branco, garantindo que o PSD "não põe em causa a estabilidade" governativa. Também o BE recusou antecipar uma decisão, enquanto o PCP e o CDS-PP excluíram a possibilidade de apresentar uma moção de rejeição ao programa. Já o PS afastou a hipótese de uma moção de confiança no debate. "Uma maioria relativa é uma oportunidade para todos encontramos as melhores soluções", sustentou a deputada socialista Ana Catarina Mendes.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)