Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
6

Recurso do MP poderá agravar pena de Isaltino

Todos os cenários estão em aberto no caso Isaltino. O autarca de Oeiras, condenado a sete anos de prisão e a perda de mandato, vai recorrer para o Tribunal da Relação de Lisboa, onde pode inclusive ver a pena agravada caso o Ministério Público também opte pelo recurso.
5 de Agosto de 2009 às 00:30
Apesar da condenação do tribunal, Isaltino continua a clamar inocência
Apesar da condenação do tribunal, Isaltino continua a clamar inocência FOTO: Diogo Pinto

Esta hipótese é pouco provável, dado que a pena de prisão pedida pelo procurador Luís Elói nas alegações finais foi superior a cinco anos, ou seja, inferior à agora aplicada pelo Tribunal de Sintra.

Entre as vias possíveis está ainda a anulação do julgamento, a absolvição ou a confirmação do acórdão da primeira instância, o que obrigaria o autarca a cumprir a pena de prisão e a abandonar a Câmara de Oeiras.

Para já, Isaltino Morais recusa-se a retirar a candidatura às eleições de 11 de Outubro. E já avisou: "Irei fazer a melhor campanha de sempre".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)