Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
9

Referendo de Isaltino sem valor

O Conselho de Jurisdição Distrital de Lisboa do PSD não reconheceu ontem valor jurídico a um referendo interno realizado na secção de Oeiras que deu 307 votos a favor a Isaltino Morais em 18 de Março.
3 de Maio de 2005 às 00:40
Contudo, este órgão chama a atenção que “os Estatutos são particularmente claros quanto à competência para a aprovação das candidaturas. Essa cabe, exclusivamente, às Comissões Políticas Distritais, mediante propostas das Comissões Políticas de Secção”, que depois serão homologadas, ou não, pela Comissão Política Nacional. Assim, este organismo admite como válida a deliberação de 1 de Março da mesma secção que aprovou Isaltino Morais e não Teresa Zambujo. Um processo que promete não ficar por aqui.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)