Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
6

Rui Moreira destaca poder reivindicativo

Um ano de mandato assinalado esta quarta-feira.
22 de Outubro de 2014 às 13:08
Rui Moreira liderou o movimento independente 'O Meu Partido é o Porto'
Rui Moreira liderou o movimento independente 'O Meu Partido é o Porto' FOTO: Direitos Reservados

O presidente da Câmara do Porto assinala esta quarta-feira um ano de mandato destacando o poder reivindicativo de um independente, o esforço pela recuperação do Mercado do Bolhão e anunciando obras entre as pontes D. Maria e Luís I.

A avaliação é feita num e-mail enviado aos apoiantes mais próximos do movimento independente 'O Meu Partido é o Porto', a que a Lusa teve acesso. Rui Moreira divulga a "requalificação da marginal" entre as duas travessias, apontando para breve o início de "trabalhos que a vão transformar".

'As contas à moda do Porto', 'Um Governo de e para a Cidade', 'Um Porto mais coeso', 'O Porto da Cultura', 'Um Porto atraente para todos' e 'Um Porto sem trincheiras' são alguns dos títulos do documento de sete páginas, nas quais Moreira diz ter caído o mito de que "uma Câmara do Porto liderada por um presidente independente nunca poderia arrancar ao poder central o que quer que fosse".

"Diálogo forte e até duro"

"O diálogo com o Governo foi, por vezes, forte e até duro. Mas sempre frontal, transparente e honesto. Na prossecução dos interesses da cidade, o que, tantas vezes, foi possível atingir. Alguns desses interesses eram adiados há anos e outros considerados impossíveis de alcançar", escreve Moreira, para logo a seguir apontar o exemplo do acordo que desbloqueou o impasse em torno da Sociedade de Reabilitação Urbana.

O autarca, que assinou uma coligação pós-eleitoral com o PS para garantir a governabilidade do município, assinala ainda ter alcançado "uma nova forma de governação e de responsabilização perante o cidadão, independente das lógicas partidárias".

"A cidade sabe que tem no presidente e equipa a disponibilidade, abertura ao diálogo, capacidade de entendimento e diversidade que só uma candidatura livre de amarras e descomprometida com as máquinas partidárias podia ter", afirma.

"Em duas palavras: somos livres", acrescenta.

presidente da Câmara do Porto Mercado do Bolhão Rui Moreira
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)