Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
6

Sampaio distinguido 'Honoris Causa' em Coimbra

O ex-Presidente da República Jorge Sampaio, Alto Representante da ONU para a Aliança das Civilizações, irá receber no domingo o grau de doutor "honoris causa" pela Universidade de Coimbra.
21 de Janeiro de 2010 às 17:36
Jorge Sampaio irá receber grau 'Honoris Causa' da Universidade de Coimbra
Jorge Sampaio irá receber grau 'Honoris Causa' da Universidade de Coimbra FOTO: d.r.

A proposta de atribuição da distinção, apresentada pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, distingue Jorge Sampaio como sendo "uma personalidade  de grande relevo não apenas no nosso país mas também além fronteiras. As funções que hoje desempenha no quadro da ONU fazem dele alguém conhecido e respeitado em todo o Mundo".  

"Foi um advogado de mérito, que honrou a sua profissão. Desde os seus  tempos de estudante marcou presença na vida da Cidade, sempre em defesa  dos valores dignos do Homem e do Direito. Exerceu com dignidade várias funções  públicas no nosso país: membro do governo, deputado, presidente da Câmara  Municipal de Lisboa, Presidente da República", é ainda sublinhado na mesma nota.

A Faculdade de Direito refere ainda que, em Maio de 2006, Jorge Sampaio  foi designado Enviado Especial do Secretário-Geral das Nações Unidas para a Luta contra a Tuberculose e, em Abril de 2007, o Secretário-Geral das Nações Unidas nomeou-o Alto Representante para a Aliança das Civilizações. 

"Estas nomeações dizem muito do elevado conceito em que o Dr. Jorge  Sampaio é tido nas mais altas instâncias da comunidade internacional. E  a excepcional qualidade do seu desempenho no exercício destes cargos vem  acrescentando o prestígio do Dr. Jorge Sampaio e consolidando o prestígio  do Portugal democrático perante os povos de todo o mundo", é destacado.
 
Na biografia política de Jorge Sampaio "podem distinguir-se cinco momentos  fundamentais, dois antes de 1974 e três depois de 1974: o protagonismo na  direcção do movimento estudantil em Lisboa, em 1961 e 1962, a candidatura  pelas listas da CDE de Lisboa em 1969, a formação da intervenção socialista  em 1975, a conquista da presidência da Câmara de Lisboa em 1989, e os seus  dois mandatos como Presidente da República de 1996 a 2006".
 
"Cada um deles assinala um processo de intervenção pública autonomizável,  com consequências próprias", sustenta o documento.
 
A cerimónia de entrega do grau de doutor "honoris causa", está agendada para as 10h30 na Sala Grande dos Actos da Universidade de Coimbra. O professor da Faculdade de Direito Avelãs Nunes irá apresentar o antigo Chefe de Estado, cabendo a Manuel Costa Andrade fazer o elogio do candidato.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)