Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

Sindicato vai obrigar Costa a responder

O Sindicato dos Trabalhadores do Município de Lisboa (STML) vai intervir na próxima sessão da autarquia da capital com o objectivo de “obrigar António Costa a dar resposta às dúvidas” que tem sobre o futuro dos 1038 trabalhadores avençados.
3 de Setembro de 2007 às 00:00
António Costa
António Costa FOTO: Manuel Moreira
Segundo Delfino Serras do STML adiantou ao CM, “o PS foi o único partido que ainda não recebeu o sindicato” desde que o novo executivo municipal tomou posse a 1 de Agosto de 2007. Motivo este que levará o STML a intervir na sessão da Câmara agendada para a próxima quarta-feira, dia 5 de Setembro. “Vamos fazer-lhe perguntas para ver se o assunto fica esclarecido de vez”.
António Costa adiantou no final da última reunião camarária, no dia 22 de Agosto, que estava a decorrer uma avaliação dos registos dos vários departamentos, para indicar quem, dos 1038 avençados, permanecerá na Câmara. O processo, segundo disse, estaria concluído no fim
de Agosto ou no início de Setembro. O presidente da autarquia assegurou ainda que não era sua intenção “promover despedimentos”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)