Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

Soares volta a atacar Cavaco

Ao fim de vários dias sem mencionar o nome do principal rival, Mário Soares voltou ontem a referir o nome de Cavaco Silva. Foi no jantar e no comício que se realizaram na antiga FIL, em Lisboa, eventos que contaram com a participação de José Sócrates.
20 de Janeiro de 2006 às 00:00
Mário Soares cumprimentou dezenas de pessoas em Lisboa, no penúltimo dia de campanha
Mário Soares cumprimentou dezenas de pessoas em Lisboa, no penúltimo dia de campanha FOTO: José Manuel Ribeiro/Reuters
“Nota-se uma grande falta de confiança da equipa de Cavaco Silva numa vitória logo na primeira volta. Já estão a fazer apelos para ganhar à primeira volta”, disse Soares, acrescentando: “Esses apelos revelam a personalidade [de Cavaco]. Eles dizem que se tal suceder fica com muito mais força para fazer política. Não como Presidente da República, mas como primeiro-ministro.”
Já José Sócrates apelou à unidade de todos os socialistas em torno da candidatura de Mário Soares: “A divisão nunca gerou força, mas fraqueza”
Mas o dia de Soares começou com uma arruda entre o Largo de Sapadores e Alfama. Foram 75 minutos a cumprimentar dezenas de pessoas... especialmente mulheres de todas as idades e com uma particular atenção para as cabeleireiras que lhe mandavam beijinhos das janelas. Foram também 75 minutos de incessantes incentivos. “Vamos comê-los”, ouviu-se. “Não é preciso tanto”, respondeu Soares.
Seguiu-se um almoço para 340 pessoas, entre as quais se encontravam oito ministros. Manuel Pinho, da Economia, só comeu a sopa. Maria de Lurdes Rodrigues e Jaime Silva não chegaram à sobremesa. António Costa, Alberto Costa, Mariano Gago, Augusto Santos Silva e Teixeira dos Santos ficaram até ao fim.
Depois, nova arruada – a mais concorrida e a de maior duração (80 minutos) da campanha: Soares encheu a rua Augusta – e, à noite, o comício na antiga FIL, com José Sócrates.
MÁRIO SOARES
MELHOR
A arruada em Lisboa encheu a Rua Augusta
PIOR
“Doutor, eu vivo na miséria.” “[Soares] Tem de aguentar”
PROMESSA
“Se for eleito, prometo ajudar os seropositivos”
SECRETO
PROTESTO: Mega Ferreira chegou atrasado ao almoço na Trindade. Quiseram-no sentar numa sala contígua àquela onde estava Soares. Protestou de tal forma que lhe arranjaram, à pressa, um lugar na mesa do candidato do PS.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)