Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2
Exclusivos

Sondagens das autárquicas alvo de críticas: serão justificadas? Veja a explicação

Interferências na intenção de voto podem justificar diferenças.
Vanessa Fidalgo e Iúri Martins(iurimartins@cmjornal.pt) 28 de Setembro de 2021 às 01:30
Interferências na intenção de voto podem justificar diferenças.
Por Vanessa Fidalgo e Iúri Martins(iurimartins@cmjornal.pt) 28 de Setembro de 2021 às 01:30
As diferenças entre os resultados reais das eleições autárquicas e as sondagens levaram vários políticos - como o secretário-geral do PSD, José Silvano, ou Carlos Moedas , vencedor no município de Lisboa - a criticar as empresas responsáveis pelas previsões das intenções de voto.

António Salvador, diretor da Intercampus, uma das empresas responsáveis pelas projeções à boca da urna apresentadas no domingo, contrapõe, frisando que estas "apontaram para um empate técnico em Lisboa", tendo-se verificado a vitória de Carlos Moedas em relação a Fernando Medina por uma pequena margem (menos de um ponto percentual).

"As sondagens à boca da urna são as únicas em que a amostra corresponde ao universo. E correram muito bem no domingo. O que não podem é ser confundidas com as sondagens pré-eleitorais, apenas úteis para fazer a gestão de campanha", disse António Salvador, que lamenta as palavras proferidas pelo líder do PSD, Rui Rio.

Por seu turno, o responsável técnico pelo Centro de Estudos e Sondagens de Opinião da Universidade Católica Portuguesa, João Cristo António, sublinha que "as sondagens pré-eleitorais são muitas vezes interpretadas como previsões de resultados eleitorais, mas elas são apenas retratos da realidade num determinado momento anterior ao dia das eleições".

Entre o momento da realização da sondagem e o ato eleitoral vários eventos ocorrem que podem interferir com a intenção de voto, "e isto é particularmente relevante em eleições locais ou europeias", frisa o especialista em sondagens da Universidade Católica Portuguesa. "Nem sempre os resultados das sondagens pré-eleitorais são iguais aos resultados das eleições e muito me espantaria se fosse de outra forma, pois implicaria que nada que ocorresse durante a campanha poderia alterar o sentido de voto de qualquer um de nós", conclui.
Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso à edição digital e a todos os conteúdos exclusivos do site no pc, tablet e smarphone
Assine já 1 mês/1€
Para ler este e todos os EXCLUSIVOS DE HOJE no site 1€ (IVA incluído) Obtenha o seu código de acesso com uma simples chamada telefónica

ou
UTILIZE O
autarquicas política sondagens críticas Intercampus CM CMTV eleições autárquicas
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
CM+
O Correio da Manhã para quem quer MAIS conteúdos e vantagens
Assine já 1 mês/1€
  • Todo o conteúdo exclusivo sem limites nem restrições.
  • Acesso a qualquer hora no site ou nas apps.
  • Acesso à versão do epaper na noite anterior.
  • Clube CM+ com vantagens e ofertas só para assinantes

Clube CM+ Conheça todas as vantagens e produtos exclusivos para os assinantes do Correio da Manhã

O CM+ oferece máscaras aos seus assinantes.

Ver Mais

Coleção Receitas Facílimo: Tarte crocante de chocolate. Faça já download do eBook e áudio.

Ver Mais

Coleção Receitas Facílimo: Suspiros com morangos e framboesas. Faça já download do eBook e áudio.

Ver Mais

Adquira já o livro «Vitória - De amor e Guerra» de Luísa Beltrão com desconto! Portes incluídos

Ver Mais

PORTA NOVA COLLECTION HOUSE: Estadia em Braga, junto à Sé, com Opção de Jantar e Pack Tradicional desde 37€. Venha Experimentar!

Ver Mais