Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
6

Subsídio é mais elevado em Lisboa

Com a taxa de desemprego oficial nos 15,8%, correspondente a 870,9 mil pessoas, há apenas cerca de 376 mil portugueses a receberem subsídio de desemprego. É em Lisboa que o valor médio desta prestação social é mais elevado, segundo dados da Segurança Social.

20 de Novembro de 2012 às 01:00

Os números, ontem revelados, indicam que mais de metade dos desempregados não recebem qualquer apoio. Ainda assim, comparativamente com Agosto, o número de beneficiários aumentou, passando dos 370 157 para os 376 065.

O valor médio mensal do subsídio de desemprego registado em Setembro pela Segurança Social em termos nacionais foi de 505,03 euros, mas é na capital que esse montante é mais elevado (599,60 euros). De seguida, aparece Setúbal (569,64 euros) e Faro (541,68 euros).

Também dados da Segurança Social revelam que a tendência de quebra no número de beneficiários do Rendimento Social de Inserção (RSI) se mantém. Os números de Setembro apontam para um total de 114 651 famílias bene-ficiárias do RSI, quando em Agosto eram 116 168.

Desde que entraram em vigor as novas regras de atribuição do RSI, em Julho deste ano, 11 679 famílias perderam o direito a receber esta prestação social.

Por centros distritais, é no Porto que há registo de mais famílias beneficiárias (34 578), logo seguido de Lisboa (24 094) e de Setúbal (9147).

O valor médio de RSI pago por família no mês de Setembro foi de 210,92 euros, com o distrito de Portalegre a receber a mensali-dade mais elevada (247,82 euros).

Em termos de beneficiários individuais, a prestação média totalizou os 82,39 euros, com o distrito de Bragança a registar o valor mais alto (92,13 euros).

Em Setembro contabilizaram-se mais de 290 mil beneficiários individuais do RSI (290 803), mas, ainda assim, menos que em Agosto (294 803).

segurança social desempregados lisboa porto lisboa setúbal
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)