Barra Cofina

Correio da Manhã

Política

SURPRESAS NO PS

A manutenção de Vieira da Silva no Secretariado e a eleição de Armando Vara para a comissão Política foram, sem dúvida, as grandes surpresas entre as escolhas de José Sócrates para os órgãos dirigentes do partido.
10 de Outubro de 2004 às 00:00
SURPRESAS NO PS
SURPRESAS NO PS FOTO: Jorge Paula
Porta-voz dos socialistas durante a direcção de Ferro Rodrigues, Vieira da Silva teve a seu cargo a organização do último Congresso. Um trabalho que o novo líder fez questão de elogiar e agora premiar com a continuidade no chamado 'núcleo duro' do partido. De regresso às lides partidárias está também António Vitorino, eleito para a Comissão Política e um dos organizadores do Fórum Novas Fronteiras. Destaque também para a eleição de Armando Vara para a Comissão Política, afastado das lides partidárias desde a polémica em torno da Fundação para a Prevenção e Segurança.
Com a escolha de cinco notáveis para a organização do Fórum Novas Fronteiras, entre os quais se inclui outro 'ferrista' - Augusto Santos Silva - José Sócrates ficou com margem de manobra para compor um Secretariado mais operacional, talhado para preparar no terreno os diversos combates eleitorais que se avizinham. Além de Vieira da Silva, transita também do anterior Secretariado António Costa. Dos restantes nove elementos eleitos, Carlos Lage, Edite Estrela e Jorge Coelho já pertenceram ao 'núcleo duro' do partido, ainda que em alturas diferentes. Como estreias absolutas estão dois ex-secretários de Estado de Jaime Gama - José Lello e Luís Amado - a professora universitária Ana Paula Vitorino, a vereadora da Câmara de Santarém Idália Moniz, o dirigente do PS/Lisboa Marcos Perestrello e o ex-secretário de Estado de Sócrates, Pedro Silva Pereira.
Tal como o CM já tinha noticiado, José Sócrates recuperou a figura dos secretários nacionais adjuntos e escolheu Ascenso Simões, líder do PS de Vila Real, e Fernando Serrasqueiro, presidente da Federação de Castelo Branco, que terão a seu cargo a administração e a gestão financeira do partido. De referir ainda que Jorge Coelho se mantém como coordenador autárquico, Pedro Silva Pereira confirma-se como porta-voz e Luís Amado substitui Ana Gomes no departamento das relações internacionais.
A organização e dinamização do Fórum Novas Fronteiras, uma iniciativa em que Sócrates promete apresentar soluções para os principais problemas do País, fica nas mãos de uma verdadeira galeria de notáveis, a que se juntarão mais cinco personalidades independentes a anunciar oportunamente.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)